http://www.betsporting.com.br/


ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

O inquérito 3404, que investiga o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) em denúncias de desvios de recursos e lavagem de dinheiro na campanha eleitoral do PSDB da Paraíba em 2006, teve nova movimentação nesta segunda-feira (19), com o envio de documentos para que a Polícia Federal realize novas diligências.
A operação se tornou lendária em João Pessoa (PB), porque, literalmente, choveu dinheiro na capital paraibana. Para não ser pego em flagrante pela PF, um operador da política local, Olavo Lira, conhecido como Olavinho, teria jogado R$ 400 mil do alto do Edifício Concorde. O episódio ficou conhecido como caso do ‘Dinheiro Voador’.
O processo contra o senador Cássio caiu nas mãos da ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), que, no dia 3 de dezembro de 2012, pediu providências ao juiz Sergio Moro, o mesmo que hoje conduz a operação Lava Jato – Moro era o juiz instrutor do caso.
A investigação, que pode tornar o senador Cássio Cunha Lima como réu, ainda tramita em segredo de Justiça no STF.
Veja abaixo movimentação do inquérito no STF:

Por Paraíba Já
3
0 Comentários

Postar um comentário