http://www.betsporting.com.br/


ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

Momentos antes de morrer, um ladrão teve direito a um gesto de misericórdia. Depois de ser baleado por policiais durante uma tentativa de assalto a um caixa eletrônico, na noite dessa terça-feira (16), em Belém, o suspeito pediu para um pastor de uma igreja evangélica orar por ele.
“Eu estava indo para a igreja quando me falaram o que estava acontecendo. Quando cheguei tinha muita gente, mas alguém me chamou e disse que um deles queria falar comigo”, relata o pastor Zildomar Campelo, em entrevista ao G1. A conversa durou cerca de 20 minutos até o homem morrer.
De acordo com o pastor, o ladrão ainda estava lúcido quando disse que queria falar com Campelo. “Ele ee disse que queria pedir perdão para a mãe dele. Que queria pedir perdão para Deus. Falou que já tinha ido à nossa igreja com a mãe dele. Naquele momento, fiz uma oração, e ele quis se reconciliar com Deus, uma expressão que a gente usa quando alguém se arrepende”, relembrou.


3
0 Comentários

Postar um comentário