http://www.betsporting.com.br/

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

A Paraíba possui 76,4% de estradas e rodovias classificadas como ótima, boa e regular, segundo levantamento divulgado pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), sendo o segundo Estado nordestino que possui o maior percentual de rodovias avaliadas como ótima e boa e o quarto no país. A pesquisa avalia o estado geral da malha rodoviária pavimentada de todo o país, considerando pavimento, sinalização e geometria da via.
De acordo com a pesquisa, a Paraíba é segundo estado do Nordeste com o maior percentual de rodovias avaliadas como ótima e boa (56,7%), ficando abaixo apenas do Estado de Alagoas (64,9%). No país, além de Alagoas, apenas os Estados de São Paulo (77,8%) e Distrito Federal (61,5%) estão classificados acima da Paraíba.
O levantamento aponta que 15,4% das rodovias paraibanas são classificadas como ótima, 41,3% como boa e 19,7% regular. Se o mesmo critério for atribuído apenas ao quesito pavimentação, a média é ainda mais elevada, chegando a 92,9%; enquanto a sinalização alcança um índice de 76,8% na avaliação ótima, boa e regular.
Pelo levantamento da CNT, apenas 23,6% das rodovias paraibanas estão em má situação, sendo classificadas como ruim ou péssima. Na avaliação da Confederação, para a reconstrução, a restauração e a manutenção dos trechos problemáticos no Estado, é necessário investir por volta de R$ 365 milhões.
Para o diretor de Transportes do Departamento de Estradas de Rodagem da Paraíba, engenheiro José Arnaldo Souza Lima, apesar dos dados positivos, eles não refletem a realidade, tendo em vista que a pesquisa foi realizada em apenas 411 km de rodovias paraibanas, enquanto o Estado tem sob sua responsabilidade mais de 3.600 km, dos quais nos últimos 7 anos foram pavimentados ou restaurados 2.380 km.
A pesquisa da CNT apontou como uma das causas da degradação da malha rodoviária nacional a falta de investimentos públicos. José Arnaldo lembrou que é importante destacar que a Paraíba, nos últimos 7 anos, investiu quase R$ 1,5 bilhão em obras de ampliação e modernização de sua malha rodoviária, atingindo hoje 3.600 km de rodovias pavimentadas, por meio do Programa Caminhos da Paraíba, além do Estrada Segura e Mais Trabalho.
Ele observou ainda que o Governo do Estado continua pavimentando novas rodovias, restaurando as já existentes, e fazendo a conservação da malha rodoviária do Litoral ao Sertão, principalmente naquelas que se encontram mais desgastadas e que corresponde no máximo a 15%. E adiantou que estão previstos para 2018 investimentos da ordem de R$ 20 milhões em serviços de conservação de estradas.
José Arnaldo ressaltou também a decisão do governador Ricardo Coutinho de retirar do isolamento 54 cidades que ainda não tinham acessos pavimentados. “Hoje nenhuma cidade da Paraíba deixa de ser beneficiada com rodovia pavimentada em bom estado de conservação. Os paraibanos podem continuar orgulhosos, pois, com certeza, temos uma das melhores malhas rodoviárias do país”, comentou.
3
0 Comentários

Postar um comentário