http://www.betsporting.com.br/

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video


O presidente do PSB de Guarabira, Célio Alves, usou as redes sociais para lamentar o falecimento de Dom José Maria Pires, arcebispo emérito da Paraíba, aos 98 anos de idade (era o bispo mais idoso do Brasil). Ele estava internado em um hospital de Belo Horizonte, acometido de pneumonia. 

"Os Céus estão em festa! Depois de Dom Helder e Dom Marcelo, o Paraíso Celestial recebeu Dom José Maria Pires. Já o mundo ficou mais pobre. Sigamos os exemplos deles. Preservemos seus legados. Esses três santos homens dedicaram suas vidas a muitas outras vidas. A vidas oprimidas, esquecidas, injustiçadas, castigadas, maltratadas. O Evangelho de Cristo sempre foi a bússola deles. Os pobres e marginalizados de direitos sociais e da própria dignidade da pessoa humana jamais esquecerão a obra cristã e humanitária desses três homens de Deus. Descanse em paz, "Dom Pelé"!


Dom José Maria Pires nasceu no dia 15 de março de 1919, na cidade de Córregos (MG). Foi ordenado presbítero no dia 20 de dezembro de 1941, em Diamantina (MG). No dia 25 de maio de 1957 recebeu a nomeação episcopal, e a sagração ocorreu no dia 22 de setembro de 1957, em Diamantina.


Foi formado em Teologia e Filosofia pelo Seminário de Diamantina (MG), cursos que realizou entre 1936 e 1941. Antes de ser Bispo, Dom José foi pároco de Açucena-MG (1943-1946); diretor do Colégio Ibituruna em Governador Valadares-MG (1946-1953); missionário diocesano (1953-1955); e pároco de Curvelo-MG (1956-1957). Atuou como Bispo em Araçuaí-MG (1957-1965), de onde veio para ser Arcebispo da Paraíba (1966-1995). Foi também membro da Comissão Central da CNBB e Presidente da Comissão Episcopal Regional-NE2.

Na biografia de Dom José destaca-se a sua atuação na época da Ditadura Militar, quando desenvolveu um trabalho pautado na conjunção da atividade religiosa com a defesa dos direitos humanos, com vistas à mudança social. Prestou apoio nos conflitos pela terra na Paraíba, defendendo camponeses de perseguições. E lutou contra a discriminação e o racismo, incentivando a organização e a luta dos afro-brasileiros.
3
0 Comentários

Postar um comentário