http://www.betsporting.com.br/



ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

Vereador da bancada do PSB, presidente eleito da Câmara de Guarabira para o biênio 2019/2020, Marcelo Bandeira apresentou emenda modificativa ao projeto de autoria do poder executivo que solicita autorização para parcelamento de débito com o Instituto de Assistência e Previdência Municipal (IAPM), num montante de R$ 16 milhões, relativos a quatro parcelamentos das gestões de Zenóbio Toscano e da ex-prefeita Fátima Paulino.
De acordo com texto proposto pela gestão municipal, o parcelamento deve ser feito em 200 meses, mas há resistência dos parlamentares quanto ao prolongamento das parcelas. Marcelo apresentou emenda reduzindo para 180 meses o volume de parcelas e alegou ter consultado técnicos como advogado e contador sobre a legalidade do parcelamento e foi orientado a aceitar o parcelamento, mas num período menor. Bandeira disse que aceita votar do projeto como está proposto.
O projeto será posto para apreciação do plenário da Câmara na sessão ordinária desta quinta-feira (31). Mesmo sendo autor da emenda, Marcelo adiantou que não está presente nas duas próximas sessões por motivo de viagem com a família, mas apelou aos seus pares que possam acatar a emenda.
Segundo o presidente do IAPM, José Jeremias Cavalcante, existem atualmente 4 parcelamentos gerados pelas gestões de Fátima Paulino, Josa da Padaria e Zenóbio Toscano e que eles (os parcelamentos) consomem R$ 200 mil mensalmente. Com a aprovação do projeto nos moldes propostos pela prefeitura, esse volume cairá para cerca de R$ 90 mil mensalmente.

Jean Ganso com Portal 25 Horas
3
0 Comentários

Postar um comentário