http://www.betsporting.com.br/

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video


O agente penitenciário Leonardo Morais de Moura 33 anos morreu com uma facada no pescoço após reagir a um assalto, na tarde desta quarta-feira (12), no Centro do município de Alagoa Grande, no Agreste paraibano, a 115 km de João Pessoa. O suspeito do crime de vulgo (Lito) foi morto a tiros pelo agente.


Segundo a Polícia Civil, o agente estava acompanhado do sogro quando foi abordado por um homem armado de faca, que roubou objetos pessoais e dinheiro das vítimas e tentou fugir, mas foi perseguido a pé pelo agente penitenciário.

Durante a perseguição, o agente entrou em luta corporal com o suspeito, que atingiu o agente com uma facada no pescoço. Mesmo ferido, o agente sacou uma arma e atirou contra o homem, que morreu no local antes de receber atendimento médico.

Socorrido pelo Samu, o agente penitenciário foi encaminhado ao Hospital de Trauma de Campina Grande, mas não resistiu aos ferimentos e morreu antes de dar entrada na unidade.




Portal Correio
3
0 Comentários

Postar um comentário