http://www.betsporting.com.br/

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video


fora-do-ar
Tem estrela

O Grupo Guaramóveis, liderado pelo empresário Assis Santos, só tem motivos para comemorar. Além das lojas de móveis espalhadas por Guarabira e outras cidades da região e da variedade incalculável de produtos na Casa Shopping Magazine, a novidade da cidade foi a inauguração e consolidação do France Hotel. Flaviana Santos, filha de Assis, é quem dá o toque final no melhor hotel da cidade.

Cangapé em queijo

Zenóbio Toscano, prefeito de Guarabira, fez barba, cabelo e bigode esse ano. Se reelegeu para mais quatro anos, fez a maior bancada na Câmara, arrecadou horrores de dinheiro dos repasses e de impostos e ainda fechou o ano com quase R$ 3,5 milhões da repatriação. Zenóbio ainda esnobou a ser perguntado sobre os gastos com festejos: “faz festa quem pode”.

Amém!

A monsenhor José Nicodemos voltou a administrar a diocese de Guarabira por cima da carne seca. Depois de sair da cidade para Alagoa Grande, depois passar por Areia e fazer um trabalho elogiado pelos católicos dessas cidades, com a vacância do cargo de bispo da igreja católica no Brejo, o colégio de consultores elegeu Nicodemos como administrador diocesano até que o Vaticano designe novo bispo. De cara, fez uma série de transferências e houve quem não gostasse. Mas Nicodemos está chancelado pelo clero e não está nem aí.

O campeão

Eleito vereador com 2.100 votos, o campeão de votos em toda história da cidade, professor Raimundo Macedo não tem do que reclamar de 2016. Com uma estrutura gigante construída a partir da Secretaria de Educação e um exército de professores, Raimundo foi para a disputa e desbancou figurões da política. Agora vai virar a página e legislar pelos próximos quatro anos.

Sorriso “é mato”

Outro político que também não tem razão de reclamar é o vereador Jáder Filho. Reeleito para mais um mandato, o filho do Dr. Jáder Pimentel contrariou os prognósticos e obteve uma grande votação (1.202 votos). Mesmo com uma atuação abaixo do esperado, Jadinho deu a volta por cima e mantém a tradição da família Pimentel na política de Guarabira. Sorriso com ele “é mato”.

No ar

Militante da radiofonia paraibana, Rafael San segurou a peteca muito bem em 2016. Mesmo com um elenco reduzido de comunicadores em seu matutino, ao lado de Jean Gomes (Ganso) e de meteóricas participações do rodado Paulo Costa, que joga nas onze posições, San deu conta do recado e ampliou sua audiência nas manhãs do rádio guarabirense. O estilo ‘paz e amor’ de comunicar pode ter atraído o público nesses tempos difíceis.

Fora do ar

O ano foi ruim para as rádios Rural e Cultura AM, ambas pertencentes ao empresário João Rafael de Aguiar. Por causa de baixas nas vendas teve faturamento reduzido e demitiu funcionários, empobrecendo o quadro de profissionais. Mas não foi só isso. Durante o processo eleitoral, as emissoras foram condenadas mais de uma vez ao pagamento de multas salgadas por infringir a legislação vigente e ainda tiveram as programações suspensas por 24 horas. Pode jogar sal grosso.

Bola cheia, boleiro…

Quem fez um golaço em 2016 foi o jogador guarabirense Márcio Azevedo, que atua no Shakhtar Donetsk, da Ucrânia. De férias no Brasil, o boleiro promoveu um show com as bandas de forró mastruz com Leite e Limão com Mel em benefício das famílias carentes de Guarabira. Foram mais de 6 toneladas de alimentos arrecadados e distribuídos para quem tem fome. Bateu um bolão.

Ponto pra Sílvia

A jornalista pernambucana Sílvia Torres, repórter setorial da TV Cabo Branco com escritório montado em Guarabira, está bem na fita. Sensível e uma tremenda contadora de histórias, Sílvia tem divulgado as coisas boas de Guarabira e da região. O reconhecimento veio através do carinho do público e do título de cidadania paraibana, aprovado na Assembleia Legislativa, a partir da iniciativa da deputada Camila Toscano.

Portal 25 Horas
3
0 Comentários

Postar um comentário