http://www.betsporting.com.br/



ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video


Zezinho Freitas é presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Guarabira
Zezinho Freitas é presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Guarabira
Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Guarabira, em entrevista exclusiva ao Portal25horas, nesta quarta-feira (21), Zezinho Freitas fez um balanço de sua gestão, que teve início no mês de agosto último, disse que a entidade vem crescendo com novos trabalhadores que passaram a integrar o quadro de sindicalizados, projetou um ano de 2017 melhor, falou das parcerias que pretende desenvolver com órgãos públicos como a Prefeitura de Guarabira, disse que vai cobrar arrendamento de terras para que se possa produzir e melhorias das estradas vicinais. Zezinho também assegurou que vai buscar se reunir com o comandante do 4º Batalhão de Polícia Militar para retomar a Patrulha Rural, a fim de garantir a segurança no campo, que vem sendo acuado por marginais.

Os primeiros meses de mandato

“Nesses quatro meses que eu venho na administração do sindicato, a gente vem evoluindo muito bem, graça a Deus. Conseguimos fazer a reforma no prédio da sede que estava precisando ser feita, estamos fazendo uma reforma no antigo prédio da Associação de Moradores da Comunidade Rural de Lagoa de Serra, onde vamos fazer uma sub-sede do sindicato e vamos prestar uma homenagem com o nome do ex-presidente Antônio Freitas, de saudosa memória, para atender aos trabalhadores que moram naquela região. Nesse período os trabalhadores estão participando das reuniões, para mim tem sido uma surpresa boa até com a nossa diretoria, porque a diretoria anterior não participava das reuniões e eu sempre desejei que os diretores participassem para levar as reivindicações de cada comunidade. Os trabalhadores estão vindo se associar, o sindicato está crescendo e eu estou muito feliz com isso que está acontecendo”.

Projeções para 2017

“A gente tem as políticas públicas do Governo Federal, mesmo a gente sabendo que esse governo não tem nada a oferecer aos trabalhadores rurais, ao pequeno, mas aí com a nossa organização estamos procurando levar ao trabalhador rural junto ao órgão do Estado, do Município, aquilo que o trabalhador quer. Eles é que vão dizer o que precisam, se é cisterna de placa, se é poço, porque tudo isso tem, as políticas públicas oferecem isso. Em 2017 vamos melhorar a maneira de os trabalhadores da agricultura familiar desenvolver mais suas culturas e produza mais”.

Parcerias com a Prefeitura

“Em vou procurar entrar em contato com o secretário da Agricultura e vê o que a gente pode fazer. Com certeza ele deve atender os nossos anseios porque eles sempre atenderam e não sei agora. Os trabalhadores estão me cobrando para que eu faça uma reivindicação ao prefeito para que ele umas hectares de terra para que os trabalhadores possam produzir. Muitos trabalhadores alegam que não tem a terra para trabalhar e a prefeitura tem condições de arrendar uma boa parte de terra para que eles produzam. Não sei se vão acatar essa nossa reivindicação, mas nós vamos procurar o secretário e o prefeito para que desenvolvam melhor a nossa agricultura. Outra coisa que vamos procurar o prefeito é sobre as estradas, que algumas estão péssimas. Algumas estão boas, mas é preciso melhorar mais para dar condições para que o trabalhador venha até a cidade quando acontece um problema de doença para chegar mais fácil à cidade. Os mais sofridos são os trabalhadores rurais e precisam do respeito das autoridades para que dê condições de trabalho”.

Patrulha rural

“Isso a gente já vem debatendo porque muitos trabalhadores rurais deixaram a zona rural devido à insegurança que se tem no campo e continua. Depois que a patrulha rural abandonou a zona rural a violência aumentou no campo e a gente precisa muito que a patrulha rural volte a ajudar, a colaborar na zona rural. Eu vou junto com a diretoria, com o advogado do sindicato, e vê como apresentar um documento reivindicando ao comandante da Polícia Militar para que dê continuidade àquela patrulha para proteger o trabalhador rural. A gente passa e percebe casas abandonadas por causa da violência e é muito importante para nós a segurança”.

Mensagem de Natal

“Eu desejo aos trabalhadores rurais que eles tenham um Natal feliz, que aquilo que eles desejam venha com amor, que passe um bom Natal e próspero Ano Novo. Porque hoje o que vale é ter saúde, ter amor pelas pessoas e fazer amizade. Desejo muito amor e carinho e até o ano de 2017”.
3
0 Comentários

Postar um comentário