http://www.betsporting.com.br/

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

celio
O presidente do PSB de Guarabira e secretário-executivo da Comunicação do Estado, Célio Alves, rebateu as declarações do deputado Raniery Paulino (PMDB) de que o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) deveria agradecer ao governador Ricardo Coutinho (PSB) pela reeleição do prefeito tucano Zenóbio Toscano.

“Cássio deve agradecer é a Raniery, aliás, desde 2014, quando o deputado contrariou o pai e ficou neutro, no segundo turno. Pela posição dele, Cássio teria mantido a vantagem do primeiro turno e vencido o governador Ricardo”, disse Célio.

O PSB, de acordo com seu presidente, sempre esteve aberto ao entendimento com o PMDB guarabirense, a ponto de escolher como candidato o mesmo que o partido e a família Paulino apoiaram em 2012 (Josa da Padaria).

“Há quatro anos, para o deputado Josa era o melhor pra governar. Quando decidimos concordar com Raniery, ele mudou de ideia e lançou a mãe candidata”, afirmou. “O que não podíamos era votar em quem o deputado bem quisesse, visto que ele se recusa a apoiar o governador Ricardo. Servimos para apoiar, mas não para sermos apoiados? De onde Raniery tirou essa ideia?” Célio Alves também recomendou ao deputado humildade e autocrítica para admitir o que chamou de “declínio” do PMDB guarabirense. “O partido dele obteve 60% dos votos válidos nas eleições 2004. Quatro anos depois caiu para 51%. Em 2012, reduziu para 47%. Agora, desceu para 34%. Alguma coisa está errada. 

Cabe ao deputado ter humildade para aceitar e corrigir os rumos e não estar culpando os outros por essa desidratação eleitoral”, criticou.

O presidente do PSB ressaltou que o partido cresceu 100% na Câmara Municipal, saindo do zero, em 2012, para três vereadores eleitos em 2016. “Elegemos a segunda maior bancada e superamos o PMDB em quantidade de vereadores e batemos também nos votos dados aos candidatos a vereador”, acrescentou Célio Alves.

Fonte: Blog do Gordinho
3
0 Comentários

Postar um comentário