http://www.betsporting.com.br/

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

Sem títuloUma mulher sofreu dores intensas após um de seus implantes mamários “explodir”. A cirurgia para colocação da prótese de silicone foi feita em 2013 na Thailândia, mas Ashley Blundell, de Newcastle, admitiu que não pesquisou o histórico de seu cirurgião antes de passar pela operação. As informações são do portal de notícias britânico DailyMail.

“Eu nunca senti tanta dor na vida, era como se estivesse morrendo. A temperatura do meu corpo ia do calor extremo para o frio congelante. Percebi que iria desmaiar, a dor era insuportável”.

Ashley foi levada às pressas para o hospital e teve seu implante removido. Mas a infecção que tomou conta de seu seio vai exigir que ela passe por diversas cirurgias para consertar os danos — o custo total de reparação deve superar os R$ 60 mil (20 mil dólares) .

Depois de contrair a infecção, a jovem, hoje com 27 anos, descobriu que o médico que a operou, Peter Kim, tinha sido processado por negligência por pelo menos duas outras mulheres. No entanto, o cirurgião ganhou ambas as causas nos tribunais jurídicos.

— Isso é o que me deixou mais irritada: o fato de ele não ter sido preso, mas, sim, ganho ambas as causas. Se eu tivesse visto esses processos em seu registro, jamais o teria escolhido para me operar .
3
0 Comentários

Postar um comentário