http://www.betsporting.com.br/



ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

0dbd74f4-41e4-4858-af47-bd4182f4d031
A Polícia Civil da Paraíba, por meio da Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) de João Pessoa, prendeu em flagrante, na tarde dessa quarta-feira (27), Morgana Melo da Silva, que é natural da cidade de Picuí. Ela é suspeita de fraudes relacionadas a anúncios na internet e estaria agindo em conjunto com pelo menos três outras pessoas “Conseguimos chegar até a suspeita entrando em contato com a vítima, por meio de um anúncio veiculado em sites da internet, simulando uma negociação no valor de R$ 104 mil com uma empresa de energia solar de João Pessoa. Os suspeitos apresentaram-se como clientes interessados nos serviços da empresa e que teriam um alto valor a ser liberado em uma instituição bancária.

No entanto, os suspeitos informaram posteriormente, no decorrer da negociação, que precisariam que a empresa contratada repassasse um valor aos suspeitos, para que a negociação fosse finalizada. Desconfiando da situação, a vítima procurou a Delegacia de Defraudações, que fez o monitoramento dos suspeitos, confirmando que dois suspeitos residem em Parnamirim (RN), conseguindo localizar e prender em flagrante a Morgana Melo, em uma residência situada no bairro Castelo Branco, na Capital”, disse o delegado da DDF, Lucas Sá.

Ainda segundo a autoridade policial, Morgana atuou diretamente na negociação, sendo a responsável por conversar diretamente com a vítima e teria a função de receber os valores obtidos na fraude, repassando-os posteriormente aos outros membros da associação criminosa, que agem no estado do Rio Grande do Norte. A Delegacia de Defraudações e Falsificações conseguiu identificar mais dois outros suspeitos, de maneira que representará pela decretação de suas prisões, para que eles respondam pelas fraudes praticadas.

O delegado Lucas Sá orienta a população que tenha cautela redobrada ao realizar negociações pela internet, verificando sempre as informações dos anunciantes (identidade, CPF, endereço), antes de concluir qualquer negociação. “Se perceber uma atitude suspeita deverá ser comunicada à delegacia, que adotará as providências necessárias para a responsabilização dos suspeitos, caso seja constatada alguma situação criminosa. Qualquer denúncia poderá ser encaminhada por meio do número 197 –  Disque Denúncia da Secretaria de Segurança e Defesa Social (Seds). A ligação é gratuita e o sigilo é garantido”, finalizou.
3
0 Comentários

Postar um comentário