http://www.betsporting.com.br/



ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

Senador Raimundo Lira, do PMDB
O senador Raimundo Lira (PMDB) revelou, em entrevista ao site UOL, ter recebido um pedido de sua esposa para não aceitar presidir a comissão do impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) no Senado Federal.

Segundo ele, apesar do apelo da esposa, não teria como fugir do convite feito pelo seu partido. “Se dependesse da minha esposa eu não estaria na política”, confidenciou.

O senador paraibano disse que mantém uma convivência muito estreita com seus familiares, e por isso recebe o apoio necessário em suas decisões.

Indagado sobre sua postura à frente da comissão, Lira disse se tratar de um processo jurídico e político e garantiu manter o equilíbrio para o bom andamento dos trabalhos no Senado.

MaisPB
3
0 Comentários

Postar um comentário