http://www.betsporting.com.br/


ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

Maria da Guia Bento de Barros, 32 anos, foi assassinada a tiros, por volta das 23h desta quinta-feira (10), por dois homens não identificados, quando curtia ao lado do seu namorado a ‘quinta universitária’, na Praça João Pessoa, em Rio Tinto.

O companheiro da vítima, Joelson da Silva Lima, de 19 anos, chegou a ser atingido de raspão por dois disparos de revolver. Ele foi socorrido para o Pronto Atendimento de Rio Tinto e logo em seguida transferido para o Trauma da Capital.

A Polícia Militar informou que os suspeitos chegaram numa moto e ao se aproximar da mesa em que estavam as vítimas, efetuaram vários disparos. Maria da Guia foi atingida na região do tórax e em uma das pernas, morrendo no local.

Um policial civil que estava no estabelecimento comercial, ao perceber a ação criminosa, se dirigiu ao seu veículo para se proteger. Segundo relato da PM, a dupla chegou a trocar tiros com o policial no momento da fuga. Apesar do grande número de pessoas que estava no local, ninguém saiu ferido.

“O policial civil chegou a trocar tiros com os elementos para tentar captura-los. Mas, infelizmente, sem êxito. Ele relatou que só efetuou o disparo em ‘campo aberto’, onde só poderia atingir os elementos”, disse o tenente Magaiver da Polícia Militar.

Em dezembro do ano passado, Maria da Guia, teve o esposo assassinado também por disparos de arma de fogo, o ex-presidiário Moisés Nóbrega de Araújo, numa oficina mecânica, no centro da cidade. Dois homens em uma moto abordaram a vítima na rua, efetuaram vários tiros na região da cabeça e fugiram em seguida sem serem identificados.

1 / 2
A PM isolou o local de homicídio e solicitou a presença do Instituto Médico Legal (IML), e do delegado plantonista da Polícia Civil, que irá investigar o caso.  

Jean Ganso/PB Vale

3
0 Comentários