"Surtei", diz assassino de dançarina de funk

Noivo de dançarina confessa assassinato: "Surtei"
O suspeito de matar a dançarina de funk Amanda Bueno, ex-integrante da Gaiola das Popuzudas e da Jaula das Gostosudas, afirmou  que cometeu o crime porque teve um surto. Ele agrediu a noiva e atirou na cabeça dela na tarde de quinta-feira (16) em Nova Iguaçu, Baixada Fluminense. Milton Severiano Vieira, conhecido como Miltinho da Van, ainda disse que havia bebido álcool.
— Surtei mesmo... Briga de casal e acabei cometendo isso aí (...) Eu tinha bebido também. Não estava em sã consciência.
R7
Compartilhar no Google Plus

Unknown

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário